Comunidade Luterana de Montenegro

Notícias

Culto de 20 de Setembro

Estimados membros e amigos. Com o intuito de resgatarmos nossa cultura gaúcha, estaremos realizando neste feriado de 20 de setembro a segunda edição do nosso Culto Gauchesco. Será às 8h em nossa Igreja da Ressurreição. Preferencialmente, venham pilchados ou com peças de roupas que caracterizam indumentárias gaúchas.

Dia 08 de setembro será um culto todo especial com Jubileus de Confirmação 25 e 50 anos. Para tal, nosso Coral Luterano junto com a Orquestra de Violinos de Morro Azul - Paverama estão preparando um lindo e emocionante repertório. Abaixo os convites das turmas de 1969 e 1994. Se vocês fazem parte delas, confirmem presença na secretaria até 31 de agosto. Algo especial está sendo preparado.  SAIBA MAIS !!!

Carta Pastoral

17/04/19

Semana de Páscoa.

Domingo de Ramos

Prezados irmãos/ãs em Cristo. Com o Domingo de Ramos iniciamos a Semana Santa. Gostaria de motivá-los a participar destes cultos dos quais celebraremos momentos tão importantes da nossa fé e espiritualidade cristã. O Tríduo Pascal é um grande culto que se inicia na Quinta-feira Santa e se encerra no Domingo de Páscoa. Poderíamos considerá-lo como um "retiro espiritual". Muita coisa nova, marcante e profunda acontecerá nestes dias. Como seria bom se pudessem se planejar e assumir este compromisso com o Senhor de participar de toda a sequencia. Que Deus abençoe você. Desde já, seja bem-vindo/a!

Culto com Estreia do Coral Infantil

31/03/19

Estimados membros e amigos, neste domingo(31) às 19h30 Culto do 4º Domingo na Quaresma. Teremos a estreia oficial do Coral Infantil. Convidamos todos a participar, prestigiar e incentivar. O tema deste culto será muito profundo. Uma mensagem que, certamente, tem muito a nos ensinar. Nos vemos lá! Deus abençoe sua vida!

1 / 2

Please reload

História da Comunidade Luterana de Montenegro

 

Transcorria o ano de 1861 e, no pacato Porto das Laranjeiras, costumavam se reunir várias famílias de fé evangélica na casa de Jacob Schilling, casa que hoje ainda existe. Aqui dirigiam suas preces a Deus, cantavam, oravam, liam as sagradas escrituras e pediam pela bênção de Deus. Nesta casa iniciou a Comunidade Evangélica de Montenegro.

Com o correr dos anos, a ideia da constituição de uma Comunidade organizada foi amadurecendo. Isso aconteceu no ano de 1864. Os cultos eram celebrados na casa dos Schilling, pelo pastor Johann Haesbert, pároco da Comunidade Evangélica de Novo Hamburgo. A construção de uma pequena Igreja cada vez mais se fazia necessária. O senhor. Barão de Jacuhy doou uma área de terras para a Comunidade a fim de ser nela construída a Casa de Deus. Um prédio modesto, mas que correspondia perfeitamente às necessidades da época.

Foi inaugurada em 7 de maio de 1876. O trabalho da Igreja Evangélica, no passado, sem uma escola para os filhos de seus membros não era imaginável. Assim, no início, a própria Igreja serviu também como Escola. O Pastor Johannes Schwarz foi o primeiro Pastor residente em Montenegro e a Paróquia era formada por Montenegro, Maratá, Matiel e Brochier.

No ano de 1895, foi iniciada a construção do prédio escolar que hoje ainda se encontra ao lado da Igreja. No ano de 1903, foi iniciada a construção de uma nova Igreja, inaugurada no dia 28 de outubro de 1906. Esta Igreja, no ano de seu Jubileu de Ouro, estava sendo renovada. Infelizmente, em 28 de agosto de 1956, a Igreja foi consumida pelas chamas. 

Pastor Márcio Simões da Costa

Porém, mal passados os primeiros momentos de torpor, começou a brotar na Comunidade, um sopro vivificador. Uma nova Igreja foi construída e inaugurada, solenemente, em 3 de maio de 1964, recebendo o nome de Igreja da Ressurreição.

A construção da Igreja da Ressurreição foi inspirada no estilo criado pelo arquiteto alemão Professor Dr. Barting, uma das maiores autoridades em planejamento de igrejas modernas. A construção concebe uma “Casa de Deus”, na qual todas as linhas querem auxiliar ao fiel em sua concentração, indicando-lhe a direção: Altar – Crucifixo – Jesus ressuscitado – A Cruz vazia – Ressurreição.

O formato da Igreja é em leque. A entrada é afastada das ruas, oposta à esquina, onde se situa a torre. Os caminhos laterais de acesso igualam a dois braços abertos, os quais convidam o fiel a entrar na Casa de Deus.

No interior, tudo converge para o altar, no qual se encontra o Cristo crucificado que deu sua vida em resgate por nós. Ao elevarmos os olhos, eles divisam a cruz vazia e raios ou fachos de luz projetados em direção à cruz, testemunhando: CRISTO VIVE – ELE RESSUSCITOU. Assim, também, podemos dizer que, das cinzas, pela ação do Espírito Santo, ressurgiu uma nova Igreja, que acolhe os fiéis que a ela se dirigem.

Igreja da Ressurreição – Sim, a ressurreição de Cristo é a vitória sobre a morte e com Cristo continuaremos a vencer os poderes da destruição e da morte onde se manifestarem.