• Beatriz Nyland

Dica de Leitura para os pais!

OS PERIGOS DA INTERNET: PEDOFILIA - Douglas Dantas

Olá pais! Para complementar a palestra realizada na escola no dia 15/03/2018, vamos disponibilizar nas próximas três semanas informações sobre os perigos da internet para que possamos conversar com nossos estudantes sobre os assuntos que serão abordados. Sugerimos que utilizem as notícias para conversar com seus filhos em casa. Nesta primeira semana estaremos abordando o tema “Pedofilia”.

Para que os nativos digitais possam utilizar a internet com segurança, é possível tomar alguns cuidados na hora de utilizar sites e redes sociais. Um dos riscos maiores é a pedofilia.

Na web é possível ter um espaço democrático e com liberdade de expressão, mas também há o perigo de informações serem mal interpretadas e usadas por pessoas mal intencionadas. Daí a necessidade de diálogo com as crianças e adolescentes.

Antigamente, os pais orientavam seus filhos a não conversarem com estranhos na rua. Esta orientação ainda é válida e acredito que muitos pais ainda pedem isso aos seus filhos. Porém, com as redes sociais e com um mundo globalizado, nossas crianças estão conhecendo estranhos pela internet e se tornando “amigos” de pessoas que não sabem nada. É comum olharmos as redes sociais de crianças de 13 anos e observarmos que elas tem uma grande quantidade de “amigos”. Será que elas conhecem todas as pessoas que estão presentes em suas redes? Bem como, existem redes sociais que possibilitam as pessoas “Seguirem” outras, ou seja, acompanhar o que determinada pessoa faz e compartilha nas redes sociais.

Nessas redes sociais qualquer indivíduo pode entrar em contato por meio de mensagens com pessoas desconhecidas e é aí que temos que estar atentos. Quando o crime envolve adultos, há um grande perigo! A prática de pedofilia é considerada crime no Estatuto da Criança e do Adolescente e é possível denunciar algo ou alguém suspeito.

Monitorar o que a criança e os adolescentes fazem na internet é possível, mas muitos pais não fazem, por não saberem como fazer ou por não quererem invadir a privacidade de seus filhos. Desta maneira, sugerimos sempre o diálogo como a melhor estratégia. Seus filhos precisam confiar em vocês para poderem se abrir e compartilhar “coisas” que acontecem virtualmente.

É importante se disponibilizar sempre para o diálogo, para que os filhos possam contar tudo ao adulto responsável (pai, mãe ou familiar) e nunca deixar o medo ou a vergonha impedirem a denúncia. Os pais também precisam, além de observar os filhos, ter cuidado com o próprio comportamento: ele influencia as atitudes da criança ou do adolescente.

Para evitar casos de pedofilia segue algumas sugestões de comportamentos:

- Evite colocar endereço, telefone, nome da escola e nome completo;

- Muito cuidado ao divulgar seus desejos, segredos e sonhos. Sua intimidade é muito valiosa, cuide bem dela;

- Você colocaria seu diário na praça pública, no mural do colégio ou na praia? Pense muito bem antes de publicar algo na internet;

- Cuidado com as fotos que posta, elas podem ser modificadas e usadas contra você. Não coloque fotos com uniforme da escola ou algo que possa indicar onde estuda;

- O que importa é a qualidade e não a quantidade de amigos. Cuidado com estranhos;

- Jamais aceite convite de encontro presencial com quem não conhece;

Assista ao vídeo a seguir com seus filhos e discutam com eles sobre as pessoas que eles conversam e mostrem-se abertos para o diálogo sempre.

https://www.youtube.com/watch?v=uaTQxgWzwjs

Observação sobre o vídeo:

O primeiro pai que aparece na praça, após esbravejar, beija a cabeça de sua filha e diz: “Precisamos conversar”. Não espere algo acontecer para conversar! Converse hoje! Converse sempre!



8 visualizações